Coreia do Norte acessa sites pornográficos?

A Coreia do Norte é liderada pelo lunático ditador Kim Jong-un e, nos dias de hoje, dia-a-dia tem-se ameaças vindas dele contra os EUA e vice-versa. É um cara completamente severo em relação à quem descumpre as leis impostas no país.  Coreia do Norte é o país mais fechado do mundo e existem leis absurdas, como por exemplo:

  • É proibido usar jeans, por ser um “simbolo imperial americano”
  • Falar com estrangeiros na rua
  • Uso restrito da internet apenas ao governo e a elite militar
  • Para fotografar, precisa de autorização do governo

Essas são apenas algumas e, entre elas está a proibição de acesso a pornografia. É considerado crime o acesso a qualquer tipo de material pornográfico. Contra partido, talvez os “moderadores” da internet não estão fazendo um bom trabalho por dois pontos que já citamos acima mas vale reforçar:

  1. O uso da internet é restrita
  2. Pornografia é proibido

Mas afinal de contas, a Coreia do Norte acessa sites pornográficos?

Eles dizem que não, mas o PornHub mostrou os dados de acesso do país. Entre 2016 e 2017, foram registrado cerca de 80 milhões de acessos do país Kim Jong-un.  Os 3 termos mais buscados dentro do pornhub foram “chinese”, “mongolian” e “japanese game show”.

As categorias mais acessadas foram Japonesas, asiáticas, Big Tits (peitos grandes), Cartoon, Dupla penetração, MILF e mais algumas que podem serem vistas na imagem a seguir.

Coreia do Norte acessa sites pornográficos?

O atraso dos cidadãos em relação a tecnologia pode ser analista na imagem a seguir, onde mostra que o mair acesso é de Desktop, ou seja, o uso de Smartphones deve ser regulado também, já que é proibido ligar para fora do brasil.

Um país que pra quem mora, pode ser um lugar bacana já que não tem um comparativo para se basear, mas para nós de fora, chega a ser triste saber que existem pessoas no mundo que são proibidas de ver um pornozinho.

Você pode ver os gráficos no site oficial: PornHub Insight North Korea

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *